Na manhã de hoje, dia 11, policiais federais da Superintendência Regional em Sergipe prenderam em flagrante delito, pelo crime de corrupção passiva, um técnico ambiental do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis em Sergipe.

O servidor público solicitou o pagamento de 10% sobre o valor da multa de R$ 120.000,00 (cento e vinte mil reais) aplicadaem auto de infração pelo IBAMA a uma pousada-restaurante, localizada na cidade de Neópolis/SE, sob o pretexto de reduzi-la na fase recursal.


A prisão aconteceu no momento em que o técnico ambiental recebia parte dapropina cobrada ao representante do aludido empreendimento comercial.


O detentofoi, então, conduzido à sede da PF/SE eindiciadopelo crime doart. 317, do Código Penal, com pena de 2 a 12 anos de reclusão, além de multa.


Outras informações serão repassadas na Entrevista Coletiva agendada para o dia de hoje, às 15h, no auditório da Polícia Federal em Sergipe.

 

PF/ASCOM