Conhecido nacionalmente por ser “cabra macho”, além de ter seis mulheres, ele ainda tinha quatro namoradas.

Morreu ontem (5) em Estância José de Paula Almeida. Aos 80 anos, ele que era conhecido como “Zé do Baião”, partiu e deixou 57 filhos, 61 netos seis mulheres e quatro namoradas. Nacionalmente com a fama de “cabra macho”, tamanha a virilidade, Zé era um dos personagens mais conhecidos do Nordeste brasileiro.

Tendo ganho o apelido por conta do gingado no baião, Zé chegou a ser delegado em Estância durante 30 anos e batizou 151 crianças. Querido e estimado por todos, o ilustre sergipano teve ainda a experiência de conviver com outras 46 anos no passado.

O velório de Zé do Baião acontece nesta terça-feira (6) e traremos mais informações ao longo do dia.

JornaldaCidade.Net