Diante da crise financeira que vem afetando o país e consequentemente os municípios. Medidas duras de redução de salários e até cortes de cargos estão acontecendo nas prefeituras do Estado de Sergipe. Em Arauá, a situação não é diferente, o prefeito José Ranulfo dos Santos (PSB), destacou na imprensa a realidade financeira do município. No mês de setembro, o gestor afirmou que efetuou o pagamento dos servidores concursados e deixou o salário do prefeito, vice-prefeito, secretários e cargos em comissão em atraso.

O prefeito relatou que na última semana reuniu os servidores e anunciou a redução de salários. Segundo Ranulfo, o salário do prefeito, vice, secretários e funcionários serão reduzidos.

 

Na sua gestão até secretaria foi cortada, a exemplo da secretaria de Comunicação.

 

“Um momento muito constrangedor. Fiz tudo isso para enxugar e ter mais receita, para cumprir os compromissos em dia”, disse Ranulfo.


Da Gazeta de Estância.com.br