Não há mais dúvida de que o Partido dos Trabalhadores caminha pra lançar candidatura própria a prefeitura de Aracaju. E, nessa direção, não anda sozinho. Junto ao PT está o PRB, e o PSB bem próximo.

O Pastor Jony Marcos tem conversado com a cúpula do PT e é defensor de um entendimento com os Valadares, visando reeditar a aliança idealizada por Marcelo Déda, anos atrás. Nessa conjuntura, Eliane Aquino seria candidata a prefeita e Valadares Filho a vice. Os caciques podem até desmentir ou dissimular essa possibilidade. Mas, a verdade é que as reuniões estão acontecendo e o tema já foi colocado na mesa.

 

É isso aí, bicho!

 

Segundo o Superior Tribunal de Justiça, qualquer ex-companheiro (homem ou mulher) tem o direito de visitar o animal de estimação do casal que, com a separação, ficou na guarda de um dos dois. Nada de anormal você encontrar um homem indo à residência da ex visitar uma gata. Ou, de modo inverso, se deparar com uma mulher indo à casa do ex para visitar um cachorrão. E viva a natureza!

 

Quadro negro

 

Muito preocupante a declaração feita pelo ministro Onyx Lorenzoni, da Casa Civil, sobre o comparativo das universidades públicas e particulares, no Brasil. Os dados são alarmantes, principalmente no quesito custo por aluno. Pelo visto, é mais racional o Governo pagar bolsa integral para os alunos frequentarem a rede particular.

 

Canudo de papel

 

Causou perplexidade, também, a comparação feita, pelo ministro, entre algumas universidades em relação ao conteúdo programático e eficiência do ensino. Uma nota muito aquém da expectativa acadêmica.

 

Falta de respeito

 

A ministra dos Direitos Humanos, Damares Regina Alves, recebeu os títulos de cidadã aracajuana e sergipana, entregues em Sessão Especial, na Assembleia Legislativa, em meio a aplausos e vaias. O gesto (apupos) praticado por um grupeto useiro e vezeiro não traduz, de forma alguma, o pensamento e urbanidade do povo sergipano. Até porque, quem vaiou já aplaudiu coisa muito pior.

 

Intransigência visível

 

Interessante, é que quem combate aqueles intransigentes com a ideologia de gênero se comportam muito mais radicais contra quem, por qualquer formação, defende a manutenção de determinados princípios. Afinal, quem é mais intransigente?

 

Uma farinhada só

 

É muito comum se ouvir a expressão “se dá título de cidadania a gatos e cachorros”, numa alusão que se faz ao merecimento ou não de determinado homenageado. Essa avaliação feita por setores da sociedade é muito, muitíssima, relativa, pois, sempre têm como parâmetro o apreço do julgador pelo homenageado. Quem gosta aplaude, quem não gosta faz beicinho, e até vaia.

 

Contas rejeitadas

 

O prefeito de Muribeca, Fernandinho Franco, teve as suas contas referentes ao exercício de 2014 rejeitadas em face do descumprimento da Lei de Responsabilidade Fiscal e desordem orçamentária. Em suma, gente de mais e dinheiro de menos, para quitar os restos a pagar. Hoje, nenhum gestor pode deixar contas no prego, de um ano para o outro, sem os devidos recursos garantidos. A camisa do Fernandinho é bonita, mas a sua administração…

 

Boa pergunta

 

O Tribunal de Contas quer saber o que o Governo do Estado pretende fazer com o prédio do antigo Hotel Palace de Aracaju. Há um ano que a pergunta rola e até agora, nada. É inconcebível se deixar aquele patrimônio se deteriorar com o tempo, quando podia, muito bem, ser utilizado por algum órgão estadual.

 

Só falta você

 

A ADEMA foi o único órgão do Governo do Estado que não apresentou, até agora, a prestação de contas do exercício de 2018.

 

Sobe o som

 

O vereador de Propriá, Aelson dos Santos, o Aelson do Som (PSD), aumenta o volume sempre que fala dos possíveis adversários rumo à prefeitura do município. Recentemente, disse que o secretário de Saúde, Valberto Lima, sumiu da cidade depois que perdeu a eleição para o atual, Iokanaan Santana (PSB). Falou que o médico alugou uma casa em Propriá, mas nunca dormiu uma noite sequer. Ou seja, só vai lá de quatro em quatro anos. Vige!

 

Sem título

 

Termina nesta segunda, 6 de maio, o prazo para os eleitores que não votaram ou não justificaram ausência nas últimas três eleições, regularizar a situação junto ao TSE. Em Sergipe, cerca de 25 mil eleitores poderão ter o título cancelado, caso não se apresentem ao TRE.

 

Boa ideia

 

Na última quinta-feira, 02, a empresa genuinamente sergipana, Camel Empreendimentos, realizou uma campanha de DST/Aids em sua obra de Esgotamento Sanitário, no bairro Jabotiana, em Aracaju. A ação teve a participação do competente médico Almir Santana.


Por: César Cabral - 84ª Edição da Coluna na Gazeta de Estância
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.