A Câmara de Vereadores de Estância discutiu na tarde de hoje, 26, o projeto de nº 78, que visa sobre o aluguel social e pede a sua prorrogação por mais um ano até o dia 21 de Outubro de 2017.

Os vereadores que foram a favor desse projeto, a exemplo do jovem Tito Magno ficaram extremamente revoltados com a emenda apresentada pelo colega André Graça, que diz: “O aluguel social terá duração até o dia 31 de Dezembro de 2016”.


Para Tito Magno, isso significa que a partir de 2017, os moradores podem ficar sem o auxílio. “Essas pessoas precisam desse aluguel social. Essas pessoas contam com o aluguel social. E essa emenda o vereador André Graça quer acabar a partir de Janeiro”, desabafou.


O vereador André Graça relatou que o seu colega, Tito Magno, está totalmente equivocado e que o seu interesse não é acabar aluguel nenhum. Além disso, André destacou que no próximo ano, o gestor será Gilson Andrade. “Não sou contra ao aluguel social pelo contrário votarei a favor. E se Deus permitir em Janeiro, votarei novamente a favor”, disse.


Indignado e contra a emenda do vereador André Graça, o vereador José Domingos (Dominguinhos do PT), fez um apelo aos colegas que não aprovem. Segundo o Petista, no final do ano algumas famílias poderão ter a ponte do Bomfim como alternativa. “Na virada de 31 de Dezembro para 1º de Janeiro. As crianças chorando, o povo dizendo ui, você já sabe que foi a votação e a emenda para desalojar os pobres do aluguel social”, finalizou.

 

O Projeto de Aluguel Social foi aprovado por unanimidade e também aprovada a Emenda por 6x4.


O que é o Aluguel Social?


O Programa Bolsa Aluguel Social, que atualmente beneficia 27 famílias, tem colaborado o município de Estância a prestar a Assistência Social as famílias que foram vítimas de catástrofes naturais tais como: alagamentos, desmoronamentos, etc, ou então famílias que são consideradas de vulnerabilidade social, seja ela por renda, doença ou outro motivo.


Considerando que o Programa Bolsa Aluguel Social é uma alternativa que pode evitar que o município tenha que conceder um abrigo provisório a família, que normalmente é coletivo e gera muitas reclamações.


O Programa Bolsa Aluguel Social é um auxílio temporário e que tem por objetivo, conceder o acesso a uma moradia digna às famílias que não tem condições de pagar o aluguel, e através do referido programa, o Município paga o aluguel, que atualmente é no valor de R$ 333,84 (Trezentos e trinta e três reais e oitenta e quatro centavos).


Confira os nomes que votaram na emenda do aluguel social:


André Graça (vereador da emenda)
Misael Dantes
Zé da Paz
Sérgio Bezerra
Tertuliano
Júlio Camelô

 

Da Gazeta de Estância.com.br