Talysson Barbosa Costa, deputado estadual eleito com a maior votação nas eleições do último dia 7 de outubro, teve pedido de cassação de sua candidatura feito pela deputada estadual Maria Mendonça.

Neste ano de 2018, nós brasileiros somos os principais protagonistas do momento de mudança nos quadros políticos nacional e estaduais. Como eleitor, sou exigente e sempre opto pelo melhor, pois sei das consequências de um voto.

O Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe (TRE-SE), por maioria de votos (4 x 3), cassou o registro/diploma de Talysson Barbosa Costa, eleito deputado estadual no último dia 7 de outubro (42.046 votos) pela coligação formada pelos partidos PSDB, PRB, PSC e PR, por conduta vedada a agente público.

A Assessoria Jurídica do ex-governador Jackson Barreto informa que em relação à matéria veiculada pelo Ministério Público Eleitoral, que a citada prestação de contas foi aprovada pelo Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe, tendo havido alteração posterior do julgamento pelo TSE, em virtude de mudança na sua jurisprudência.

Familiares e amigos estão preocupados e a procura do cinegrafista Bruno Guimarães de Souza, 35 anos, que está desaparecido desde a última terça-feira (16).

Acabou a pouco o julgamento no Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe (TRE/SE) que deu ganho de causa ao deputado federal eleito Fábio Henrique (PDT), por seis votos a um.

O Ministério Público Eleitoral apresentou requerimento à Justiça para intimar o ex-governador de Sergipe, Jackson Barreto de Lima e o atual governador, Belivaldo Chagas, a pagarem R$ 654.505,52 ao Tesouro Nacional, em valores corrigidos, no prazo de cinco dias.

O líder do prefeito na Câmara de Estância, o vereador Misael Dantas Soares (PSC), preferiu não seguir o gestor que declarou apoio a Belivaldo Chagas (PSD). O Edil decidiu apoiar nesse segundo turno a eleição do candidato ao governo Valadares Filho (PSB).

Variadas

 

CLIK NA FOTO E CONFIRA ÁLBUM DO CORTEJO JUNINO 2018

Online

Temos 19 visitantes e Nenhum membro online